Implantação e sustentação do comitê de estratégia

Implantação e Sustentação do Comitê de Estratégia

Mais do que nunca conselhos precisam trazer o tema “estratégia” para o centro das discussões.

Em um ambiente corporativo cada vez mais dinâmico e competitivo, a necessidade de uma estrutura sólida de governança corporativa e de uma estratégia bem delineada é essencial para o sucesso organizacional.

Com base na nossa experiência em Governança Corporativa e  Estratégica de Negócios, desenvolvemos um  processo estruturado para criar e sustentar Comitês de Estratégias nas empresas conforme as melhores práticas existentes.

A decisão de estruturar uma solução focada no Comitê de Estratégia reflete nosso compromisso em unir nossas competências para promover um ambiente favorável à reflexão, discussão, desenvolvimento e implementação da estratégia organizacional de forma assertiva e com principal objetivo de fomentar a geração de valor aos sócios ou acionistas no longo prazo.

Comitê de Estratégia

Fusão de Competências em Governança Corporativa e Estratégia de Negócios

O Comitê de Estratégia atua como um elo entre a diretoria executiva e o conselho de administração, sendo um braço técnico especializado em estratégia, garantindo que os processos sejam estruturados e integrados, alinhados com os objetivos da empresa de modo a suportar tomadas de decisões que levem a um melhor posicionamento competitivo e desempenho organizacional.

Funções do Comitê de Estratégia

Apoiar a definição das diretrizes do planejamento estratégico, assegurando sua coerência lógica, evitando incongruências ou conflitos, subsidiando o processo de apresentação e debate dessas diretrizes em reuniões com a diretoria executiva, a fim de alinhar a organização com os objetivos almejados e dar coerência ao plano estratégico em elaboração.

Avaliar, da criação da estratégia e construção do plano até a execução de forma a sugerir propostas de alteração, ações táticas, desvios em relação à visão do Conselho e a evolução dos indicadores de gestão. O objetivo é facilitar a deliberação do Conselho sobre os pontos críticos.

Monitorar possíveis obstáculos culturais, agendas ocultas de executivos e conflitos de interesses que prejudiquem a implementação adequada do plano e propor ao Conselho ações para eliminá-los.

Acompanhar os indicadores-chave de desempenho para monitorar a execução do plano.

Apoiar o Conselho na promoção de um ambiente favorável e estruturado com objetivo de garantir alto nível na discussão estratégica na organização.

Posicionamento do Comitê de Estratégia

Posicionamento-do-Comitê-de-Estratégia

Comitê de Estratégia é um diferencial quando:

O Conselho precisa estar mais próximo da gestão, ajudando-a a pensar no desenvolvimento e/ou no monitoramento da estratégia, garantindo um elevado grau de alinhamento das expectativas e desejos entre acionistas, membros do Conselho e diretoria executiva, mitigando eventuais conflitos.

Quando a organização tem um controlador definido, forte politicamente e que buscar impor suas ideias por meio de conselheiros indicados por ele, boas ou não, o comitê pode servir de filtro para avaliação. O comitê neste contexto traz técnica, análise e racional para ajudar na tomada de decisão.

Existem temas muito complexos na organização, em que o comitê pode acompanhar mais detalhadamente a estratégia, reportando-se ao Conselho com uma periodicidade maior, permitindo que este se dedique a temas que, no momento, sejam mais sensíveis e relevantes para serem discutidos.

A organização tem ciclos de negócios desafiadores e complexos, e a preocupação com a estratégia e sua execução exigem grande atenção do Conselho (desempenho das iniciativas estratégicas).

Negócios de relativa complexidade tecnológica ou de rápidas mudanças e movimentos estratégicos frequentes, que exigem acompanhamento muito próximo do mercado, da concorrência e da cadeia produtiva, em especial quando atuam de forma verticalizada.

A organização atua em várias linhas de negócio (amplitude de produtos), em diversos segmentos com ambientes negociais diferentes, o que exige um órgão com dedicação específica ao tema estratégia.

Os conselheiros precisam de reforço no conhecimento exigido para domínio do tema estratégia.

Metodologia

Macrofluxo de atuação na implementação e sustentação do Comitê de Estratégia

Cases Relacionados

  • Governança Corporativa Integrada no Grupo Unika Embalagens

    O Grupo Unika Embalagens, contratou a C&S Projetos e Mercado para realizar um projeto de implantação e sustentação da Governança Corporativa Integrada.

  • Alinhamento Estratégico com o Conselho Consultivo na Mineração Furlan

    O Conselho de Administração da Mineração Furlan embarcou em um projeto de Alinhamento Estratégico com a C&S visando revisar e realinhar os componentes essenciais de seu negócio, visando um crescimento planejado e sustentável.

  • Workshop de Alinhamento Estratégico e Gestão da Estratégia na SCCON

    Realização do Workshop de Alinhamento Estratégico com a SCCON, onde utilizamos metodologias e ferramentas específicas para acompanhamento da implementação, monitoramento dos resultados e direcionamento tático e estratégico.

  • Planejamento Estratégico RECOP

    O Planejamento Estratégico feito pela Equipe C&S, teve como objetivo principal a integração entre as universidades e o setor produtivo.

Artigos Relacionados

  • Estratégia dos Conselhos de Administração: fatores de influência

    O cenário empresarial está cada vez mais voltado para a sustentabilidade, e a liderança desempenha um papel crucial em promover e implementar efetivamente as práticas de ESG.

  • Inteligência Artificial nos Conselhos de Administração

    O cenário empresarial está cada vez mais voltado para a sustentabilidade, e a liderança desempenha um papel crucial em promover e implementar efetivamente as práticas de ESG.

  • Reshoring: principais etapas para a repatriação da produção

    O cenário empresarial está cada vez mais voltado para a sustentabilidade, e a liderança desempenha um papel crucial em promover e implementar efetivamente as práticas de ESG.

  • Gestão estratégica de estoques: equilibrando custos e eficiência

    O cenário empresarial está cada vez mais voltado para a sustentabilidade, e a liderança desempenha um papel crucial em promover e implementar efetivamente as práticas de ESG.

O que dizem sobre nós

Time de Especialistas

Mauricio-Siqueira-CCI-CTA

Mauricio Siqueira, CCA CTA

Conselheiro de Administração

Economista, Pós graduado em Engenharia Econômica e Economia do Agronegócio, Membro e Conselheiro de Administração Certificado pelo IBGC. Como Executivo, foi interventor pelo BNDESpar, presidiu Empresas e Conselhos.

Bruno Siqueira, CCA

Diretor Executivo

Economista, MBA em Finanças Corporativas, Especialista em Fusões & Aquisições, Private Equity & Venture Capital e Mestre em Administração pela Fundação Dom Cabral. Membro e Conselheiro de Administração Certificado pelo IBGC.

Andre Kraemer

André Kraemer, CCA

Gestão de Riscos e Conselheiro de Administração

Engenheiro, MBA em Finanças Corporativas e Conselheiro de Administração Certificado pelo IBGC Possui experiência e amplo conhecimento em técnicas de mensuração e gestão de Riscos Corporativos.

Carolina Siqueira

Jurídico

Advogada, especialista em Direito Societário e em Secretarias de Conselhos de Administração pelo IBGC. Responsável pelas Secretarias dos Conselhos e assuntos legais relacionados à Governança Corporativa.

Samantha Feriani

Samantha Feriani

Secretária de Governança Corporativa

Advogada e especializada em Direito Civil Constitucionalizado e o Novo Processo Civil, possui ampla experiência em Secretariado, Governance Office e Gerenciamento de Rotinas relacionadas à Governança Corporativa.

Viviane Galeb

PMO

Graduada em Ciências Biológicas pela Universidade Paulista, com MBA em Gestão Estratégica de Negócios pela USJT. Possui mais de 15 anos de experiência em Gestão de Pessoas e Processos, incluindo atuação no setor privado e no terceiro setor. Idealizadora e coordenadora da Organização Sem Fins Lucrativos-GAA Nova Vida.

Luciano Menegasso

Diretor de Estratégia

Engenheiro e MBA em Gerenciamento de Projetos. Possui ampla experiência no desenvolvimento de estratégias e coordenação de projetos de inovação em empresas nacionais e multinacionais.

Raphael de Paula

Gerente de Estratégia

Administrador e especialista em estratégia e gestão de projetos. Possui experiência em multinacionais na estruturação e gestão da estratégia de médio e longo prazo, assim como na coordenação de projetos.

Monise

Associate Partner Planejamento Estratégico

Engenheira de Produção pela UNESP, com MBA pela FIA/USP em Gestão de Negócios. Trabalhou na área de Estratégia e Governança da Caterpillar onde liderou, como Black Belt, diversos projetos e estruturou a Governança de Redução de Custos das Máquinas.

Increva-se em nossa newsletter

Cadastre-se e fique atualizado com nossos insights mais recentes

Conecte-se com nossa prática de transformação.