O tempo passou – Conselhos de Maurício Siqueira

Quando abordamos anteriormente a Governança Corporativa, tratamos da organização da empresa, dos familiares, com funções definidas, e também daqueles apenas com funções remuneradas, os quais tiveram forçadamente que buscar outras posições profissionais e orçamentárias.

É chegada a hora de falarmos sobre os Fundadores ou Patriarcas. Sr. Maurício Siqueira, sócio fundador da C&S e autor deste artigo, compartilha conosco o pensamento de um deles.

“O tempo passou, a idade chegou, o cansaço, as atividades empresariais estão organizadas, bem direcionadas, a Família está sob controle, porém, não pensei em mim. Imaginava passar o resto dos meus dias trabalhando na empresa, que dei meu sangue para construir, e chegar até hoje. Nos meus projetos, e, diga-se de passagem, até certo momento foi o que aconteceu, apenas e somente eu, tinha o entendimento completo do negócio. Hoje sinto dificuldades em acompanhar o ritmo de trabalho dos Executivos, não consigo entender as novas tecnologias, nem as tendências do mercado. Tudo é diferente! Aquele entusiasmo que tive durante anos, cedeu lugar à um saudosismo que está difícil de controlar. Meus inimigos computadores e seus difíceis sistemas de informação, me atormentam, como fantasmas, dia e noite. Será que sou tão dispensável assim?”

Para esse patriarca, o Sr. Maurício tem conselhos mais do que valiosos.

“Meu caro Patriarca, sua experiência, sempre será importantíssima para a organização, porém há posições na hierarquia, definidas pela Governança Corporativa, que não exigem mais seu sangue, trabalhando em período integral, como no início das atividades. Uma parcela de seu precioso tempo, analisando e deliberando, junto com os demais membros de seu Conselho de Administração, ou apenas como Acionista, seja nas Assembleias, no Conselho de Acionistas, ou Conselho de Família, muito mais que importante, é fundamental.

Não existe um limite de idade para a atuação direta na administração, mas sim deve ser feita uma autoanálise, não esperando que fatores como os acima descritos impeçam um bom desempenho. Jamais espere ser afastado, ou acusado de senilidade. Para que sua dignidade não seja atingida desta forma, prepare-se com antecedência”, diz.

Atividades além das aqui citadas, e descritas pela Governança, podem ser preparadas durante sua vida profissional ativa. Obras de benemerência, religiosas, pequenos empreendimentos na agropecuária, que é a raiz de toda a humanidade, são ocupações próprias para alguém que merecidamente, com a chegada da idade avançada, tem seu tempo bem aproveitado, sem a exaustão do meio empresarial.

No escritório da C&S, temos preparado e direcionado a sucessão e novas atividades, para inúmeros Fundadores de corporações, bem como para seus familiares, de forma não traumática, dentro das Melhores Práticas de Governança Corporativa.

Sim, o tempo passou, mas você continua importante!

Fale com o Autor deste Artigo

e deixe sua pergunta.