Utilização de Indicadores para Gestão Estratégica

Indicadores são instrumentos essenciais na gestão empresarial, tanto no nível estratégico quanto operacional. Seja qual for a estratégia da empresa, a utilização de indicadores de desempenho é fundamental no processo de tomada de decisão dos gestores.

Pode-se dizer que existem dois tipos de indicadores de desempenho – indicadores de resultado e indicadores de tendência, ambos fundamentais para a gestão de qualquer negócio.

Os indicadores de resultado, também chamados de indicadores genéricos, são amplamente utilizados pelas organizações nos orçamentos e na análise do desempenho financeiro como o faturamento, EBITDA, lucro líquido, entre outros e não financeiro como aquisição, retenção e fidelização de clientes.

Os indicadores de tendência, também chamados de específicos, são aqueles que comunicam a maneira de como os resultados devem ser alcançados (como fazer), promovem a mudança na organização e indicam se a estratégia está sendo alcançada. Estes indicadores refletem a estratégia da empresa e permite antever o resultado no futuro que serão mostrados pelos indicadores genéricos (resultado).

A utilização de indicadores de tendência e resultado tornam a gestão estratégica mais assertiva e eficaz, pois ao mesmo tempo que avalia e monitora o resultado da operação, possui meios de direcionar os principais processos e atividades através dos indicadores de tendência, garantindo maior alinhamento dos envolvidos com a estratégia da corporação.

Enquanto que os indicadores de resultado são comuns na maior parte das empresas, os indicadores de tendência consideram o cenário atual do negócio, traduzindo necessidades de curto, médio e longo prazo em um conjunto de indicadores e metas que irão guiar a empresa na busca de seus objetivos.